Atividades Realizadas


  • Desde 2004, Jornadas de 16 dias de Activismo (25 de Novembro-10 de Dezembro) de luta contra violência na Mulher;
  • Em 2005, 1ª conferencia Internacional sob Lema “Basta” teve honrosas representações de: Portugal, Brasil, Moçambique e Senegal;
  • Em 2006, 1ª conferência Nacional contra violência;
  • Criação dos pontos focais ao nível das oito Regiões do País;
  • Formação dos pontos focais e membros no dominio de combate a violência;
  • Vários reforços de capacidades dos pontos focais e membros;
  • Campanhas de sensibilizações dos: Governantes, Lideres tradicionais e Religiosos, Militares e Policias;
  • Criação, edição e publicação do boletim informativo;
  • Criação de observatório e banco de dados sobre as incidências da violência baseada no género e criança;
  • Realização de Assembleia geral anual para apresentação dos relatórios financeiros e de Actividades, assim como actualização do plano estratégico e reforço de capacidade dos Membros;
  • Assinaturas dos acordos de parceria com: Ministérios de justiça, Interior, saúde, GICJU  e educação;
  • Lobbyng junto aos: Governantes, Partidos Políticos, Parlamentares e Presidente da Republica, para adopção da lei que pune a prática de Excisão, Violência Domestica,…;
  • Divulgação dos instrumentos jurídicos nacionais e internacionais que defendem os direitos humanos em geral e em particular das Mulher e Criança;
  • Elaboração de vários projectos para pedido de financiamento;
  • Atendimento, encaminhamento e seguimento dos casos da violência na justiça;
  • Realização de Estudo situacional e Tipologia de Violências contra Mulheres e Criança na Guiné-Bissau;
  • Levantamento e harmonização das Leis nacionais e internacionais da defesa dos Direitos da Mulher e Criança;
  • Encontros temático com vítimas de violência;
  • Várias acções de sensibilização Comunitária para mudança do comportamento
  • Parceiro de PLAN para implementação do Projecto de sensibilização comunitária sobre abandono da prática de excisão em 15 comunidades da região de Gabú; Financiamento da União Europeia;
  • Parceiro de SNV para implementação do Projecto“Mindjeris i força di Paz”para promoção da Mulher no processo de Prevenção, Gestão e Resolução de Conflitosnas regiões de Bafatá, Cacheu, e Sector Autónomo de Bissau,co- financiado pela União Europeia;
  • Criação dos Clubes de Não-Violência nas 08 Escolas de Bissau e 03 nas Províncias (Sul-Cacine; Norte-Mansabá; Leste-Gabú);
  • Criação dos Clubes de Não-Violência com Jovens do Bairro Militar;
  • Criação dos Clubes de Não-Violência com Grupo de Mulheres do Bairro Militar;
  • Criação dos Clubes de Não-Violência com Grupo de Mandjuandade “NIVAQUINA”;
  • Implementação da 2ª fase do Projecto de sensibilização comunitária sobre abandono da prática de excisão nas15 comunidades da região de Gabú, em Parceria com Plan e co- Financiamento da União Europeia;​​​​​​​​​​​​​​
  • Criação dos Clubes de Não-Violência nas Comunidades de: Bafatá, Quebo, Mansabá, Ingoré, Pitche, Cacine, Fulacunda e Bissorã.
  • Realização das conferências Provinciais (Norte, Leste, Sul e SAB) de preparação para conferência Internacional.
  • Em 2016 Realização da 2ª Conferência Internacional sobre VBG.
  • Parceria com UNFPA para prevenção do casamento precoce e gravidez precoce nos sectores de Cacine, Fulacunda e SAB / Bairro Militar,
  • Em curso, implementação do projecto de promoção dos direitos, Igualdade do Género e Autonomização das Mulheres.
  • Em curso, implementação do projecto para promoção do abandono da pratica de MGF, Não escolarização das Raparigas,… na Região de Gabu;
  • Em curso Actualização do estudo situacional e Tipologia de Violencia contra Mulheres e Crianças na Gujné-Bissau;
  • Em parceria com PNUD: De 2018 à 2019 Projeto de Sensibilização Comunitária para combate à VB
  • ​​​​​​​Em Julho de 2019, consórcio de 4 ONG (ANADEC, PLAN International, RENLUV- GC/GB e OGD), com financiamento de UNICEF para a implementação do Projeto de educação, empoderamento e participação de meninas adolescente nas regiões de Bafatá e Gabú.

​​​​​​​


  • Criação dos Clubes de Não-Violência nas Comunidades de: Bafatá, Quebo, Mansabá, Ingoré, Pitche, Cacine, Fulacunda e Bissorã.
  • Realização das conferências Provinciais (Norte, Leste, Sul e SAB) de preparação para conferência Internacional.
  • Em 2016 Realização da 2ª Conferência Internacional sobre VBG.
  • Parceria com UNFPA para prevenção do casamento precoce e gravidez precoce nos sectores de Cacine, Fulacunda e SAB / Bairro Militar,
  • Em curso, implementação do projecto de promoção dos direitos, Igualdade do Género e Autonomização das Mulheres.
  • Em curso, implementação do projecto para promoção do abandono da pratica de MGF, Não escolarização das Raparigas,… na Região de Gabu;
  • Em curso Actualização do estudo situacional e Tipologia de Violencia contra Mulheres e Crianças na Gujné-Bissau;
  • Em parceria com PNUD: De 2018 à 2019 Projeto de Sensibilização Comunitária para combate à VB
  • ​​​​​​​Em Julho de 2019, consórcio de 4 ONG (ANADEC, PLAN International, RENLUV- GC/GB e OGD), com financiamento de UNICEF para a implementação do Projeto de educação, empoderamento e participação de meninas adolescente nas regiões de Bafatá e Gabú.


RENLUV

Projetos

Tenham bondade de baixarem e lerem os relatorios dos nossos projetos com mais detalhes.

Relatório II Conferência internacional sobre VBG RENLUV

​​​​​​​Declaração final das conferencias

Relatório da 1ª Conferencia Internacional

Perspetivas


  • Criação e dinamização de centro de acolhimento temporário para vítimas de violência;
  • Criação e disponibilização de linha telefónica SOS para denúncia dos casos da violência;
  • Criação do gabinete de orientação jurídica para vítimas;
  • Criação, edição e emissão do programa radiofónico para sensibilização sobre violência;
  • Ter uma viatura para deslocações de Identificação, seguimento dos casos, Inteirar de diferentes violações que ocorrem nas Comunidades, seguimento das acções no Terreno, Encaminhamento dos casos, etc.
  • Ter um estabelecimento próprio para funcionamento da Sede.
  • Alargar Clubes de não-Violência para mais escolas, Bancadas de Jovens, Grupos de Mandjuandade, Instituições, Comunidades, etc.
  • Actualizar Plano estratégico para funcionamento regular da Rede.
  • Implementar as Recomendações saídas da 2ª Conferência Internacional sobre VBG, diferentes encontros realizados e do estudo que esta ser actualizado.
  • Implementar as Recomendações saídas da actualização de Estudo situacional e Tipologia de Violências contra Mulheres e Criança na Guiné-Bissau

RENLUV

RENLUV-GC/GB

REDE DE COMBATE À VIOLÊNCIA BASEADA NO GÉNERO E CRIANÇA

Galeria